Thursday, May 20, 2010

Outra face do mesmo dia

Estava tão bem disposta, o dia correu-me bem, estava contente com o meu novo emprego, com colegas, local de trabalho, tudo, até chegar a casa e receber notícias de quem me desconcerta.
E para quê, para dizer que caiu em si? Para dizer que neste tempo todo que não nos vimos, nem falámos, deu conta o que é que estava a perder? Para me dar conta de que sou a mulher da vida dele? Não. Só para repisar no repisado.
Deixa-me sempre com a sensação de murro no estômago.

4 comments:

Mnemósine said...

Parabéns pelo emprego novo!
Quanto ao resto, purga isso depressa! Protege-te.

Um dia... said...

Decisões sempre complicadas, né?
Boa sorte! O que quer que decidas, será o melhor, de certeza!

Beijinho*

lampâda mervelha said...

Sempre fiz o contrário, e por isso tomaram-me sempre por teimoso e orgulhoso.

Poetic GIRL said...

Era escusado era... ás vezes é bem melhor quando não se remexe nas coisas que já são passado.... bjs