Sunday, February 18, 2007

Ai que medo!

Nunca cheguei a escrever um post sobre moda, porque achei que era capaz de soar presunçoso da minha parte, porque a minha visão sobre o assunto e sobre a maneira como ele se insere no dia a dia, é um bocadinho abrasiva... Vamos lá ver, a minha frase chave sobre o assunto é, "Estamos entregues ao mau gosto!", e é uma frase que eu uso muito amiúde, logo por aqui se vê que se calhar ia ferir umas quantas susceptibilidades.
Mas isto tudo só para dizer que ontem fui a uma festa no Buddha, onde o espaço é uma delícia, as almofadas e as camas também, mas tem uma frequência um tanto ou quanto... Hummm, como é q hei-de dizer... Pouco interessante!
E se juntarmos a isto, uma música do inferno, temos um cocktail explosivo, na melhor das hipóteses, que depende do bom humor que se tenha levado para lá, temos uma noite de muita risota.
Onde foi a gente gira que se encontrava à noite? É que se tivesse sido substituída por mais gente gira, não era mau, mas quando se dá razão às estatuetas do espaço, que têm as mãos levantadas, em jeito de susto, a coisa torna-se complicada!
A pergunta agora é, porque é que lá voltas? E a resposta é a fé de que haja um bom dia (noite!).

Ocorre-me dizer... Ai que medo!!!

1 comment:

fuschia said...

ai que ruim pá! entao tu querias que a gente feia saisse a rua de dia... =P